Stephen Curry anota 29 pontos e os Warriors conseguem o empate no jogo 2 

Foto de Capa: NBA.com

Por Raphael Matheus

O Golden State Warriors derrotou o Boston Celtics por 107-88 e empatou a série em 1-1 pelas finais da NBA, no domingo (05/06). A atuação de Stephen Curry com 29 Pontos, além da liderança e do impacto de Draymond Green na performance defensiva e mais um terceiro quarto avassalador dos Warriors, foram fatores chave para a vitória no segundo confronto.   

O jogo iniciou com Draymond Green demonstrando um nível elevado de intensidade defensiva ao forçar uma bola presa com Al Horford logo nos primeiros segundos da partida, o que foi um demonstrativo da determinação que o camisa 23 teria em liderar a sua equipe nessa categoria. Sua atuação foi contagiante para todos os seus companheiros, que seguiram o exemplo de Draymond e trouxeram enorme fisicalidade para as batalhas defensivas ao longo da partida, o que é ilustrado pelas 15 roubadas de bola registradas pelo Golden State Warriors.  

Jordan Poole comemorando seu “buzzer beater” com Stephen Curry  – Twitter NBA

Para os Warriors, a atuação no terceiro quarto foi decisiva para garantir a vitória no jogo 2, onde a equipe mandante derrotou seu oponente por 35-14 e abriu uma liderança confortável para o restante da partida. O destaque foi a atuação de Stephen Curry, que anotou 14 de seus 29 pontos somente no terceiro período, e a surgimento de Jordan Poole, que teve seu primeiro jogo eficiente na série e converteu um incrível arremesso do meio da quadra com o cronômetro zerado.  

Apesar de Jayson Tatum ter registrado a pior marca de sua carreira na categoria “plus minus” (saldo de pontos da equipe enquanto o jogador esteve em quadra) com –36, além de 4 turnovers, e o baixo aproveitamento ofensivo de Jaylen Brown (29% de aproveitamento em suas tentativas de arremesso), a derrota dos Celtics não está relacionada aos pontos negativos das performances de seus astros, mas sim da baixa produção das peças coadjuvantes. Al Horford, Marcus Smart e Robert Williams fazem parte da equipe titular do Boston Celtics e cada um contribuiu com apenas 2 pontos na partida (combinando para 6). Considerando as boas atuações de Derrick White nos últimos três jogos nesses playoffs, os 12 pontos anotados pelo armador no jogo 2 não foram impactantes para sua equipe, que teve quatro de suas peças mais importantes combinando para somente 18, um número muito baixo para acompanhar a produção das estrelas e conseguir a vitória fora de casa. Além disso, Boston acumulou 18 turnovers na partida que geraram 33 pontos para o Golden State Warriors, ilustrando que a equipe precisa atuar melhor coletivamente para voltar a vencer na série. 

Já para Golden State, é importante observar a versão de Klay Thompson que entrará em quadra para o jogo 3. O camisa 11 teve uma performance ruim na segunda partida, quando contribuiu com somente 11 pontos em 4-19 de aproveitamento nas tentativas de arremesso. Todavia, as sequências ruins não se estabelecem para grandes jogadores como Klay e a esperança dos torcedores dos Warriors é que seu “Splash Brother” encontre novamente as boas atuações para conquistar o título da NBA a partir do jogo 3, que ocorre no dia 08/06, às 22h00, nos canais ESPN.  

Melhore momentos do jogo 2 – Youtube / ESPN Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s