SEMANA 1: Bulls e Warriors mantêm-se invictos e dão esperanças de título para seus torcedores após bons jogos 

Foto de capa: Reprodução/SportsLogos.Net 

Por Armando Edra e Henrique Teixeira 

Finalmente, a NBA voltou! 

Nessa primeira semana agitada, o ala Miles Bridges, do Charlotte Hornets, foi considerado o melhor jogador da Conferência Leste. Bridges garantiu uma média de 25 pontos, 2,3 assistências e 8,5 rebotes por partida. 

Já na Oeste, sem grandes surpresas, o armador Stephen Curry, do Golden State Warriors, ficou com o destaque ao registrar incríveis 31 pontos, sete assistências e nove rebotes por partida. 

Vale ressaltar que a temporada 2021/2022 é a 75ª da história da Liga, e foi criado um vídeo em comemoração a esta grande marca. 

75 anos da maior liga de basquetebol do mundo – Créditos: NBA Brasil 
Quarteto titular do Bulls, da esquerda para a direita: Lonzo Ball, Zach Lavine, DeMar DeRozan e Nikola Vučević – Foto: Reprodução/FadeAwayWorld 

VAI, BULLS! 

Desde o quinto título, na temporada 1996/1997, o Chicago Bulls não havia iniciado a temporada de forma invicta. Nesta primeira semana, o time de Chicago estreou contra o Detroit Pistons, vencendo por 94 a 88. Seguido pelos confrontos contra o New Orleans Pelicans (128 a 112), novamente Detroit Pistons (97 a 82) e finalizando contra o Toronto Raptors (111 a 108). 

Desta forma, o torcedor já se sente esperançoso com relação à competição e, depois de tanto tempo, pode sonhar com o título. 

A VOLTA DO “BRINQUEDO ASSASSINO” 

Curry vem decidindo partidas com lances magistrais – Foto: Thearon W. Henderson/Getty Images 

O brinquedo assassino. Assim Stephen Curry é, carinhosamente, apelidado pela torcida dos Warriors. E, na semana de estreia, Curry fez valer o apelido e impôs medo aos adversários, encerrando a primeira semana de forma invicta. 

Tendo o armador como grande protagonista das vitórias, o Golden States iniciou a temporada contra os Lakers, com placar de 121 a 114 a favor. Em seguida, contra os Clippers (115 a 113), Kings (119 a 107) e, por último, Thunders (106 a 98). 

NOVATOS DÃO SHOW! 

Draft desta temporada trouxe prospectos interessantes que já chegaram na Liga com atuações de gente grande. O destaque fica com o ala-pivô Evan Mobley do Cleveland Cavaliers, que se tornou o segundo novato na história da NBA a ter médias de pelo menos 15 pontos, oito rebotes, três assistências, dois tocos e um roubo de bola nos três primeiros jogos da carreira. O primeiro a conseguir tal feito foi o lendário Bill Walton, em 1974, pelo Portland Trail Blazers. 

Outro calouro que merece atenção é Jalen Green, do Houston Rockets. Ele entrou para a história do time como o novato com mais cestas do perímetro em um jogo, ao acertar oito bolas de três pontos, em um total de 10 tentativas, na partida contra o Boston Celtics. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s