Fora de casa e com início tenso, Atlético-MG vence o Athletico-PR por 2 a 1 e conquista bicampeonato da Copa do Brasil  

Foto de capa: Lucas Figueiredo/CBF.

Por Lucas Furtado Isaias

O Atlético-MG coroou a grande temporada que o clube viveu e conquistou a Copa do Brasil derrotando o Athletico-PR no segundo jogo da decisão por 2 a 1 após golear o time paranaense, na ida, por 4 a 0. O jogo teve um começo muito tenso, polêmicas de arbitragem e a torcida do Athletico apoiando os mandantes durante todo o jogo. Com o título, o Atlético-MG conseguiu a tríplice coroa neste ano já que tinha conquistado o Mineiro e a histórica conquista do Brasileiro após 50 anos do primeiro título. O Athletico também termina a temporada comemorando o bicampeonato na Copa Sul-Americana.  

O jogo começou muito tenso com muitas chegadas fortes e pouco jogo com bola rolando em campo. Aos 14min, numa disputa de bola, Renato Kayzer acertou uma cotovelada no peito do Allan e uma confusão foi instaurada em campo. O árbitro Anderson Daronco chamou os capitães para amenizar o clima e fazer o jogo transcorrer de maneira mais leve. Aos 19min, o lance mais polêmico do jogo aconteceu com Pedro Rocha recebendo lançamento de Léo Cittadini e fazendo um gol que foi anulado pela arbitragem que viu um toque de mão feito pelo autor do gol. O impedimento assinalado irritou parte da torcida que ao longo do jogo passou atirar objetos no gramado. Copos e um tênis foram retirados do gramado da Arena da Baixada.  

O Athletico vinha pressionando a marcação atleticana com o objetivo de diminuir a grande desvantagem que sofreu no primeiro jogo, mas aos 24min, Vargas armou um contra-ataque e passou para Zaracho que deixou de primeira para Keno abrir o placar para o time mineiro. O jogador, cinco minutos depois, quase fez o segundo com Hulk em um toque de cobertura que acabou indo para fora e também aos 47min com Guilherme Arana, mas Silva defendeu.  

O Athletico, após o gol invalidado, sentiu o impacto e começou a cometer alguns erros na primeira etapa, mas conseguiu reagir no segundo tempo. Com 1mim, Fernando Cesarin fez um chute de fora da área e Everson defendeu forçando o escanteio. Aos 9min, a situação se repetiu da mesma forma. Aos 11min, Vinicius Mingotti recebeu, já dentro da área, e chutou pro gol, mas a arbitragem marcou impedimento que foi ratificado pelo VAR. Marcinho aos 17min quase conseguiu abrir o placar, mas Everson defendeu.  

O Atlético-MG conseguiu reagir no meio do segundo tempo. Aos 22min, Arana mais uma vez ficou próximo de ampliar o placar com uma bela finalização, mas Santos defendeu. Aos 30min, Hulk recebeu passe de Savarino e, sob medida, fez o segundo do time mineiro. Mesmo com o revés, a torcida do Athlético não deixou de incentivar o time até o fim e deu um gás à equipe em campo que continuou finalizando pro gol e, aos 41min, Jaderson recebeu cruzamento e de cabeça conseguiu diminuir o placar para festa da torcida que também festejou o bom fim de temporada do Athletico. Nos minutos finais, o Atlético administrou o jogo e a torcida foi festejar mais um título da equipe que escreveu os seus nomes na história do clube mineiro.  

Ficha Técnica:  

Público e Renda: 34.050 presentes (R$2.604.250,00)  

Athletico-PR: Santos; Marcinho (Khevellen), Pedro Henrique, Zé Inaldo e Aber Vinícius; Erick, Léo Cittadini (Fernando Canesin), Christian (Jader), Terans e Pedro Rocha (Jaderson); Renato Kayzer (Vínicius Mingotti). Técnico: Alberto Valentim  

Atlético-MG: Everson; Mariano, Igor Rabello, Júnior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair (Tchê Tchê) e Zaracho (Savarino); Vargas (Nacho Fernández), Hulk (Eduardo Sacha) e Leno (Calebe). Técnico: Cuca  

Arbitragem: Árbitro – Anderson Daronco (FIFA-RS), Assistente – Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA-SP) e Rafael da Silva (FIFA-RS), Quarto Árbitro – Braulio da Silva Machado (SC) e VAR – Daniel Nobre Bins (RS)  

Gols: Keno (Atlético-MG – 1°T/24min), Hulk (Atlético-MG – 2°T/30min) e Jaderson (Athlético-PR – 2°T/41min) 

Cartão Amarelo: Renato Kayzer, Abner Vinícius e Léo Cittadini (Atlhlético-PR); Vargas e Jair (Atlético-MG) 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s