Avassalador, Derrick Lewis nocauteia brutalmente Chris Daukaus 

Peso-pesado se torna o detentor do recorde de nocautes no UFC, passando Vitor Belfort e Matt Brown 

Foto de capa: Reprodução/Glbimg

Por Lucas Santos

Derrick Lewis é, oficialmente, o lutador com mais nocautes na história do UFC. E ele mal suou para conseguir a marca. O peso-pesado atropelou Chris Daukaus em menos de um round na luta principal do evento do sábado (18/12). 

The Black Beast” colocou Daukaus contra a grade no início da luta e desencadeou uma sequência massiva de socos que deixou a promessa de 32 anos com as pernas bambas. Lewis, então, reiniciou e recarregou com outra enxurrada de mãos direitas que enviou Daukaus, diretamente, à lona na marca de 3:36 do primeiro assalto. O triunfo deu a Lewis sua 13ª vitória por nocaute dentro do octógono do UFC, levando-o ao primeiro lugar na lista e quebrando o empate com Vitor Belfort e Matt Brown. 

Após a luta, Lewis, com sua personalidade única, disse não estar interessado em disputar o título, pois não quer fazer cinco rounds. “Estou muito feliz de ser o primeiro lutador a ter esse recorde sem usar esteroides. Mas não vou lutar pelo cinturão se não mudarem essa regra para três rounds. Se não fizerem isso, nem tentem me ligar”. 

Entrevista de Derrick Lewis – Crédito: Reprodução/UFC Brasil 

Belal Muhammad domina Stephen Thompson e aproxima-se do cinturão

Belal Muhammad é anunciado vencedor – Foto: Reprodução/Getty Images 

A divisão meio-médio acabou de ganhar mais um nome na busca pelo título. Belal Muhammad usou a luta agarrada por três rounds inteiros para anular o kickboxer Stephen Thompson. Os juízes marcaram a luta 30-25, 30-26 e 30-26 a favor de Muhammad, que aumentou sua sequência de vitórias para sete. 

Depois de um curto processo de estudo, Muhammad assumiu o controle do assalto inicial  jogando Thompson contra a grade, subindo pelas costas, amassando o “Wonderboy” e descarregando uma sequência de socos. Thompson bloqueou a maioria dos golpes, mas apenas buscava sobreviver ao ataque. 

Belal perdeu pouco tempo no segundo round, prontamente derrubando Thompson outra vez, caçando uma finalização e, então, acertando-o com  cotoveladas curtas. Muhammad voltou aos trabalhos no terceiro assalto, imediatamente jogando Stephen no chão com uma queda. “Wonderboy” tentou reverter a ação com uma derrubada própria, no entanto Muhammad, mais uma vez, acabou em domínio e passou o resto da luta desferindo ataques pouco efetivos na meia-guarda de Thompson. 

Quando questionado, após a luta, sobre quem ele gostaria de enfrentar, pediu uma chance pelo título contra o campeão dos meio-médios do UFC, Kamaru Usman. Mas, caso isso não aconteça, Muhammad também deixou suas intenções claras. “Leon Edwards. É o único que faz sentido”, disse o lutador. “Kamaru já lutou três vezes esse ano, deixa ele descansar um pouco, não precisamos ver outra revanche. Leon lutou contra três pesos leves em sequência e me deu aquela cutucada no olho na nossa luta. Tenho negócios inacabados com ele”. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s