De maneira dominante, Charles Leclerc vence o GP do Bahrein de Fórmula 1 e Ferrari consegue sua primeira vitória desde 2019

Foto de Capa: Reprodução/F1

Por Lucas Furtado Isaias

Charles Leclerc, em sua estreia na Ferrari, fez a festa da escuderia italiana vencendo o Grande Prêmio do Bahrein, de maneira dominante, durante quase toda a prova. É a primeira vitória desde o GP de Singapura em 2019 com Sebastian Vettel. E assim como na vitória anterior, foi com dobradinha já que Carlos Sainz foi o segundo colocado. Em 2019, Leclerc foi o segundo. A prova foi marcada por poucas ultrapassagens, mas por uma reta final cheia de surpresas e problemas com carros de vários pilotos.  

O campeão da última temporada, Max Verstappen, apesar de ficar nas primeiras posições e brigar pela liderança com Leclerc, teve problemas com o carro e abandonou a prova a três voltas do fim. Lewis Hamilton também passou por dificuldades ao longo da prova e terminou em terceiro porque Sergio Perez deixou a prova na reta final da corrida após o seu veículo ter problemas. 

A largada começou intensa com Leclerc segurando a pole position conquistada no treino classificatório e Hamilton conseguindo o quarto lugar ultrapassando Sérgio Pérez. Na 3ª volta, o mexicano que tinha caído na volta inicial para sexto, superou Kevin Magnussen e conseguiu ir para quinto. Sete voltas depois, ele recuperou a posição inicial ultrapassando Hamilton.  

Ao longo das primeiras voltas, as movimentações foram poucas por posições até a primeira parada nos pits stops dos principais pilotos. Na volta 16, começou uma disputa intensa pela liderança entre Max Verstappen e Charles Leclerc, que na volta seguinte teve o ápice com o piloto da Red Bull ultrapassando o rival com ajuda da asa móvel, mas o representante da Ferrari conseguiu voltar a liderança e isso se repetiu mais duas vezes levando o público presente no Circuito Internacional do Bahrein ao êxtase.  

Lewis Hamilton não teve um bom fim de semana, tendo dificuldades para retomar as primeiras posições após as duas paradas no pit stop, mas conseguiu se recuperar na volta 32 quando superou Pierre Gasly e depois Kevin Magnussen. Duas voltas depois, conseguiu a quinta colocação com Charles Russell, perdendo posições com a ida para o pit stop. Verstappen, apesar de ter brigado pela liderança em diversos momentos, reclamou com a Red Bull sobre os pedidos para ir devagar nas paradas porque isso, segundo ele, custou a chance de ir para a liderança em dois momentos.  

Na volta 38, em uma disputa pela nona posição, Esteban Ocon superou o colega de Alpine, Fernando Alonso. Duas voltas depois, o espanhol foi superado por Yuki Tsonuda, que entrou na zona de pontuação da corrida. Na 46ª volta, o carro de Gasly teve problemas com o motor e pegou fogo, o que forçou a entrada do safety car e tirou toda a vantagem que Leclerc construiu na prova. 

Na 51ª volta, o safety car deixou a pista e ocorreu a relargada e Charles Leclerc arrancou para segurar a liderança. Verstappen teve dificuldades para segurar a vice-liderança com Carlos Sainz pressionando o piloto da Red Bull, mas conseguiu se manter em segundo. Outra grande disputa na relargada foi pela 11ª posição entre Mick Schumacher e Fernando Alonso. O espanhol, na volta seguinte, superou o alemão, e o estreante Zhou Ghuanyu, também ultrapassou Schumacher conseguindo a 12ª posição.   

Sainz ultrapassou Verstappen na 54ª volta após muita disputa, mas o piloto da Red Bull teve problemas com o carro e precisou abandonar a prova, em seguida. Na virada da penúltima para última volta, Sérgio Perez freou o carro e girou na pista, forçando a bandeira amarela no primeiro setor da pista. Quem se aproveitou foi Lewis Hamilton que, mesmo não tendo um bom dia, assumiu a terceira posição e terminou a corrida no pódio. Leclrec não teve dificuldades para vencer a prova e fazer a festa com toda a equipe da Ferrari. A próxima corrida será na Arábia Saudita em 27 de março. 

Resultado do GP do Bahrein 2022 – Foto: Reprodução Twitter/F1

Classificação do Mundial de Pilotos  

° Piloto Pontos 
01 Charles Lecrec 26 
02 Carlos Sainz 18 
03 Lewis Hamilton 15 
04 George Russell 12 
05 Kevin Magnussen 10 
06 Valtteri Bottas 08 
07 Esteban Ocon 06 
08 Yuki Tsonuda 04 
09 Fernando Alonso 02 
10 Zhou Guanyu 01 
11 Mick Schumacher  00 
12 Lance Stroll  00 
13 Alexander Albon 00 
14 Daniel Riccardio 00 
15 Lando Norris  00 
16 Nicholas Latifi 00 
17 Nico Hulkenberg 00 
18 Sergio Perez 00 
19 Max Verstappen 00 
20 Pierre Gasly  00 

Classificação do Mundial de Construtores  

° Construtora Pontos 
01 Ferrari 44 
02 Mercedes 27 
03 Haas Ferrari 10 
04 Alfa Romeo Ferrari 09 
05 Alpine Renault 08 
06 AlphaTauri RBPT 04 
07 Aston Martin Aramco Mercedes 00 
08 Williams Mercedes 00 
09 McLaren Mercedes 00 
10 Red Bull Racing RBPT 00 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s