Alice Powell domina e vence a primeira etapa da W Series 2021

Foto de capa: Reprodução/Fórmula 1

Por Lucas Furtado Isaias 

Depois de um ano sem provas em razão da pandemia do novo coronavírus, a W Series, categoria em que apenas as mulheres disputam, está de volta se consolidando como uma das mais importantes do automobilismo. Agora ligada à Fórmula 1, é realizada no fim de semana de algumas etapas da principal categoria automobilística e que, neste momento, só tem homens competindo. São oito provas, em alguns dos circuitos mais importantes do mundo. Neste sábado (26/06), ocorreu a primeira de duas provas na Áustria. Dezesseis pilotas estão na categoria, sendo que 13 disputaram a primeira temporada, em 2019. Entre as novidades, está a primeira brasileira a participar da competição: Bruna Tomaselli. 

As etapas são divididas em dois dias com o treino livre sendo realizado na sexta-feira e no mesmo dia, o classificatório. No sábado, é realizada apenas a corrida. Os treinos têm duração de 30min, assim como a corrida, que também inclui uma volta após o término do tempo. As dez primeiras colocadas fazem de 1 a 25 pontos. Não há pontuação pela volta mais rápida.  

Crédito: Lucas Furtado Isaias  

A largada começou com a britânica Alice Powell segurando a liderança da prova, e a compatriota Sarah Moore na segunda posição, além de uma disputa por posições intermediárias. A brasileira Bruna Tomasselli conseguiu uma posição nesta arrancada inicial, ficando em 10°. Com dois minutos de corrida, Jéssica Hawkins, em um erro na freada do carro, acabou batendo na traseira do carro da britânica Jamie Chadwick e parou na pista. Faltando 26 minutos para o fim da prova, a campeã da temporada 2019 voltou à corrida, mas na 16ª posição. O incidente foi investigado, e o resultado saiu após a prova com Chadwick sendo penalizada com acréscimo de 30 segundos no seu tempo, despencando para a última colocação.  

Durante os primeiros minutos, a grande disputa foi pela segunda colocação entre Moore e a espanhola Belen Garcia com uma diferença que chegou a ficar por alguns centésimos. Mas, ao tentar fazer uma ultrapassagem na área fora de escape, o carro de Garcia perdeu força, e Moore conseguiu consolidar o segundo lugar. Com 10 minutos de corrida, uma briga pelo oitavo lugar entre as espanholas Marta Garcia e Nerea Marti, a japonesa Miki Koyama e Tomaselli. Contudo a brasileira acabou voltando para a posição em que largou.   

Com 16 minutos de prova, o carro de Belen Garcia deixou a pista e foi para a área do escape, mas conseguiu retornar em nono lugar e chegou a disputar posição com Marta Garcia e Nerea Marti. Prém, faltando 11 minutos para o fim da corrida, Garcia abandonou a prova por conta de problemas no seu carro e trouxe o safety car para a pista.  

Com 26 minutos corridos, foi dada a relargada na prova com Chadwick ultrapassando a polonesa Gosia Rdest e indo para a 14ª posição. No entanto, logo em seguida, a holandesa Beitske Visser sofreu um toque do carro da finlandesa Emma Kimilainen e foi para as últimas posições, assim como o carro de Tomasselli, que também foi acertado por outro, o que deixou a britânica em 12°. Kimilainen, em seguida, foi ultrapassada pela liechtensteinense Fabiene Wohlewend, que assumiu o terceiro lugar. Segundos depois, a britânica Abbie Eaton e a italiana Vicky Piria também se tocaram e perderam posições, e Piria abandonou a corrida na sequência. No minuto final, Garcia ultrapassou Kimilainen e foi para a quarta posição, enquanto a finlandesa passou a sofrer com no carro e caiu diversas colocações.  

Alice Powell venceu a prova sem ser incomodada em nenhum momento da corrida. Fez as voltas mais rápidas e consolidou um fim de semana glorioso com a pole position. Sarah Moore chegou em segundo, e Fabienne Wohlend, em terceiro. Jamie Chawdick conseguiu se recuperar na relargada e terminou a corrida na sexta posição. Bruna Tomaselli fechou em 11°. 

Melhores momentos da corrida

Resultado  

  1. Alice Powell – 32:07:801 
  1. Sarah Moore – 32:08:544 
  1. Fabienne Wohlwend – 32:14:410 
  1. Belen Garcia – 32:15:025 
  1. Miki Koyama – 32:18:508 
  1. Jamie Chadwick – 32:19:066 
  1. Nerea Marti – 32:19:467 
  1. Irina Sidorkova – 32:19:960 
  1. Gosia Rdest – 32:21:528  
  1. Ayla Agren – 32:23:153 
  1. Bruna Tomaselli – 32:24:486 
  1. Beitske Visser – 32:26:230 
  1. Emma Kimilainen – 32:26:618 
  1. Sabré Cook – 32:26:999 
  1. Abbie Eaton – 32:35:716 
  1. Jessica Hawkins – 32:18:188 (+ 30seg por penalidade)  
  1. Vicky Piria – 27:42:291 (Abandono) 
  1. Marta Garcia – 18:24:790 (Abandono)  
O pódio na Áustria

Classificação no campeonato 

  1. Alice Powell – 25 
  1. Sarah Moore – 18 
  1. Fabienne Wohlwend – 15 
  1. Belen Garcia – 12 
  1. Jessica Harkins – 10 
  1. Miki Koyama – 8 
  1. Jamie Chadwick – 6 
  1. Nerea Marti – 4 
  1. Irina Sidorkova – 2 
  1. Gosia Rdest – 1 
  1. Ayla Agree, Bruna Tomaselli, Beitske Visser, Emma Kimilainen, Sabré Cook, Abbie Eaton, Vicky Piria e Marta Garcia – 0  

Programação da Próxima Etapa (Áustria – 2ª Etapa)  

02 de julho  

7h55 – Treino Livre  

11h30 – Treino Classificatório 

03 de julho  

11h30 – Corrida 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s