Fora de casa, Aparecidense vence Campinense e abre mínima vantagem na decisão da Série D 2021

Foto de capa: Gabriel Leite

Por Lucas Furtado Isaias 

A Aparecidense abriu vantagem na decisão do Campeonato Brasileiro Série D vencendo o Campinense por 1 a 0 no estádio Amigão, em Campina Grande. David foi o autor do gol da partida, que também teve como destaque o goleio da equipe goiana, Pedro Henrique, que defendeu várias oportunidades do time paraibano e foi decisivo para o resultado. O próximo jogo será em 13 de novembro, às 16h, no estádio Aníbal de Toledo, e qualquer empate leva a Aparecidense ao título da quarta divisão do futebol nacional. 

A partida começou com as duas equipes disputando a posse de bola nos minutos iniciais, com alguns lances de perigo para ambas as defesas. Aos 7min de jogo, em uma cobrança de falta do Campinense, Wanderley tentou tirar a bola da área e conseguiu o objetivo, mas quase fez gol contra. Aos 17min, Anselmo recebeu bola de Fábio Lima e fez um lindo chute, porém Pedro Henrique defendeu. Quatro minutos depois, aos 21, David chutou de perto da entrada da área e abriu o placar. Aos 24, ele tentou fazer o segundo, mas a bola bateu no travessão, em seguida o ataque goiano conseguiu o rebote e, novamente, foi parar na trave.  

O equilíbrio e as chances para o gol se estenderam por todo o complemento de primeira etapa, mesmo com a vitória da Aparecidense. Com 36 minutos, Robert tentou fazer o segundo já perto na grande área, contudo a bola foi para fora. Aos 44, Fábio Lima cruzou para Dione, que também errou o alvo. 

A segunda etapa começou com mais chances para o Campinense, como aos 6min com Anselmo, que chegou na pequena área, mas Pedro Henrique defendeu. O goleiro da Aparecidense, aos 20min, defendeu cobrança de falta de Dione, Anselmo pegou o rebote da defesa, e Pedro espalmou para fora. Aos 26min, na área, Mutuca chutou, porém Mauro Iguatu defendeu. Cinco minutos depois, o goleiro do Campinense interceptou cobrança de escanteio de Negueba. O jogo continuou elétrico e disputado, mas com a equipe paraibana buscando mais o gol. Só que a estrela de Pedro Henrique, novamente, brilhou aos 40 minutos, defendendo cobrança de escanteio de Edinho, de maneira espetacular. O fim de jogo foi de recuo da Aparecidense para segurar o resultado e de ataque da Campinense a fim de conseguir o empate, mas o placar seguiu igual.  

Ficha técnica  

Campinense: Mauro Igatu; Felipinho (Dênis), Michel Bennech, Ítallo e Filipe Ramon (João Victor); Serginho Paulista, Patrick e Dione (Edinho Corrêa); Fábio Lima (Cláudio), Vitinho e Anselmo. Técnico: Ranielle Ribeiro. 

Aparecidense: Pedro Henrique; Rafael Cruz, Wanderley, Wesley Matos e Bruno Henrique (Mutuca); Rodrigues, David (Negueba), Rodriguinho e Robert; Gilvan (Flávio Henrique) e Marinho. Técnico: Thiago Carvalho. 

Arbitragem: Árbitro – Paulo Roberto Alves Júnior (PR), Assistentes – Ivan Carlos Bohn (PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR), Quarto Árbitro – Lucas Paulo Torezin (PR) e VAR – Adriano Milczvski (PR). 

Gols: David (Aparecidense – 1°T/21min)  

Cartão amarelo: Patrick (Campinense); Rodrigues (Aparecidense)  

Renda e público: R$107.215,00 (Público: 3.243 torcedores) 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s