Brasil perde para Zimbábue na primeira partida da Stellenbosch Challenge de Rúgbi 2021   

Foto de capa: Reprodução/Confederação Brasileira de Rugby

Por Lucas Furtado Isaias  

O Brasil perdeu na primeira partida da Stellenbosch Challenge para o Zimbábue por 24 a 22, um jogo em que os Tupis chegaram a sair para o intervalo perdendo de 17 a 0, mas conseguiram se recuperar no segundo tempo. No sábado (20/11), o Brasil vai enfrentar o Quênia no duelo do terceiro lugar. Os quenianos perderam para a Namíbia, na outra partida do dia 14 de novembro, por 60 a 24. Os vitoriosos se enfrentarão na final. Todos os jogos do torneio ocorrem na Academia de Esportes da cidade de Stellenbosch, na África do Sul. Foi a primeira vez em que o Brasil enfrentou o país no rúgbi.   

Os brasileiros começaram tentando dominar a partida e aproveitaram os erros dos adversários para avançar até a área de ataque, mas conseguiram ser neutralizados. Aos 16min, Mudzenkenyedzi superou a defesa brasileira e abriu o placar com um try, seguido de bem-sucedida conversão de White-Sharpley. Três minutos depois, o Brasil cometeu um offside, White-Sharpley cobrou a penalidade com uma distância de 50m e converteu, marcando mais três pontos. Aos 25min, o mesmo cobrador da penalidade fez a conversão que abriu 17 a 0 após o try de Tsomondo, O Zimbábue, na reta final da partida, passou a dominar o jogo e impor dificuldades ao ataque brasileiro.  

Na segunda etapa, o Brasil começou a reagir, mas a equipe adversária manteve a superioridade por boa parte da etapa. Aos 9min, Lopes fez um try, e Spargo fez a conversão, animando a torcida brasileira presente. Aos 25min, Zé converteu uma penalidade para diminuir a vantagem dos oponentes para sete pontos, mas isso durou minutos, porque Chiwambusta fez um try para o Zimbábue com conversão de White-Sharpley. Mesmo com os Tupis pressionando, as dificuldades para pontuar eram grandes, porém Silva conseguiu se destacar na reta final do jogo e fez um try aos 35min e outro aos 43min, já nos acréscimos. Mesmo assim, o Brasil ficou atrás no placar, e o resultado poderia ter sido diferente se Zé, aos 36min, não tivesse desperdiçado a conversão que acabou indo para fora do gol. Nos acréscimos, ele conseguiu converter, mas não impedir a derrota por uma diferença de dois pontos.  

Agenda  

20 de novembro (horário de Brasília)   

9h – Disputa do 3° Lugar – Brasil X Quênia 

11h – Final – Zimbábue X Namíbia  

Você pode assistir ao jogo na íntegra aqui: 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s