GP da Holanda: Max Verstappen vence mais uma e vai se aproximando cada vez mais do bicampeonato mundial  

Foto de capa: Twitter F1/ Reprodução

Por Lucas Dantas

Max Verstappen venceu mais uma corrida na temporada, dessa vez em sua casa, na Holanda. O piloto da Red Bull mostrou que possui o melhor carro do grid e finalizou a prova no lugar mais alto do pódio para delírio da torcida holandesa.  George Russell, da Mercedes e Charles Leclerc, da Ferrari, fecharam o pódio. No próximo domingo, a F1 segue para Monza com o GP da Itália, encerrando sequência de 3 semanas seguidas de provas.

A largada do GP da Holanda começou a todo vapor quando a Mercedes de Lewis Hamilton, que largou em quarto, tocou a Ferrari de Carlos Sainz, em terceiro, relembrando a corrida na Bélgica, no domingo (04/09), quando Hamilton tocou o carro de Fernando Alonso, da Alpine. Naquela ocasião, Hamilton acabou fora da prova e Alonso se irritou chamando o heptacampeão de “idiota”, pelo rádio. Hoje, o toque foi leve e os dois pilotos envolvidos permaneceram na prova. 

Nesta temporada, a Ferrari vem passando por um drama, em quase toda corrida, há um erro cometido pela equipe e dessa vez não foi diferente. Muito pressionado por Hamilton, Sainz resolveu ir aos boxes trocar os pneus macios por médios na 15ª volta. Mas o espanhol não contava com a lambança da Ferrari: o mecânico “esqueceu” de levar o pneu traseiro esquerdo e a parada levou intermináveis 12s7, fazendo Sainz, que ocupava a terceira posição antes da bagunça, voltar à pista na 11ª colocação.  

Bottas parou na pista principal e novamente o safety car entrou em ação, após ter entrado por problemas no carro de Tsunoda. Mais uma vez, Verstappen foi para os boxes, com aposta da RBR em pneus macios. Nesse momento, Hamilton já ocupava a liderança. Mas manteve os pneus médios. Por sinal, Hamilton e Perez foram os únicos a concluir a corrida em Zandvoort com pneus médios. E o heptacampeão não ficou feliz com a estratégia da Mercedes. 

Tanto que após a saída do safety car da pista, na 61ª volta, Hamilton não resistiu ao poder da RBR de Verstappen, que venceu a corrida com tranquilidade. Pouco depois, Hamilton ainda perdeu para Russell e Leclerc, ambos de pneus macios.  

Foto: Twitter F1/ Reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s